Pop 20 - Um barco fácil e barato de ser construído

Fico imaginando quantas pessoas existem por aí que gostariam de construir um veleiro de quilha fixa capaz de realizar cruzeiros costeiros com conforto e segurança, que custasse muito pouco para ser feito e sua construção fosse muito rápida. Esse veleiro existe em nossa lista de planos de estoque e se chama Pop 20!

Essa foto nos foi enviada por um amigo, André Peissner. O Andarilho, que não conhecíamos, é um barco lindo! Devem existir outros Pop 20 que não conhecemos velejando por muitos lugares, pois já vendemos dezenas de projetos. Os que conhecemos, seus donos estão muito contentes com a escolha. Cortesia: André Peissner

O Pop 20 é um dos nossos xodós! Quando o desenhamos, há algum tempo atrás, decidimos esquecer modismos, sofisticações desnecessárias, tradições e ideias preconcebidas. Só queríamos que fosse prático e barato de ser construído, e que a bordo fosse possível apreciar boas emoções quando velejando, além de oferecer razoável conforto para uma pequena família, ou dois casais, podendo fazer com ele cruzeiros seguros ao longo do litoral, ou em águas abrigadas.

As astúcias que tornaram o Pop 20 uma manha para ser construído são várias. O que fizemos durante a elaboração do projeto foi conseguir maneiras de simplificar cada operação construtiva, procurando soluções diferentes das tradicionalmente utilizadas Um exemplo disso é a roda de proa. Normalmente em barcos de compensado/epóxi a roda de proa é uma viga laminada longitudinalmente com várias tiras de compensado ou madeira fazendo o contorno especificado no projeto. No Pop 20 não é nada disso. O construtor recebe uma planta em tamanho natural da peça e tudo que tem que fazer é cortar quatro placas de compensado com aquele formato e em seguida colá-las umas as outras. Mais fácil do que isso é difícil imaginar.

A roda de proa do Pop 20 é a coisa mais fácil de ser feita que podemos imaginar. O desenho da peça vista de lado é fornecido em planta em tamanho natural. Então corta-se quatro placas de compensado conforme o desenho e cola-se as quatro umas às outras. O rasgo visto na aresta de cima da peça é onde o fuzil do estai de proa é fixado. Renderização: Murilo Almeida.

A mesma facilidade é oferecida para a construção das anteparas que fazem a estrutura transversal. Na verdade até um pouco mais! Elas são fabricadas a partir de plantas em tamanho natural e consistem em painéis de compensado de 15mm de espessura cortados com o formato do casco e convés. Cavernas ao longo do contorno dessas anteparas não existem. Mais simples do que isso só encomendando a uma empresa com máquina de corte CNC para fazer o serviço, o que também pode ser feito por quem assim desejar, pois o arquivo para os painéis planos está disponível sem custo extra.

A estrutura do Pop 20 consiste em uma roda de proa, oito anéis transversais e um espelho de popa unidos por cinco pares de sarrafos longitudinais. Sobre essa grelha são aplicados os painéis de compensado de revestimento do casco. Renderização: Murilo Almeida.

O interior também é simples de ser feito por uma importante razão. Toda a parte transversal da mobília faz parte das anteparas construtivas. A parte longitudinal complementar também é apresentada no projeto em plantas em escala e plantas em tamanho natural, o que torna praticamente impossível cometer algum engano, e o trabalho fica sendo muito rápido de ser concluído.

O interior do Pop 20 é o mais funcional possível para um veleiro de 20 pés. O toalete químico é instalado sob a cabeceira da cama de casal de proa desenhada da forma mais ergométrica possível. Os beliche de popa são bons para serem utilizados quando navegando, pois não necessitam de lonas a sotavento, a escora sendo feita pela parede do cockpit.

Quanto à superestrutura, essa então é mais fácil ainda de ser feita. Como o barco não tem cabine, é só agregar o compensado de revestimento à estrutura, e está tudo praticamente concluído. No final da obra tem-se um veleiro super aconchegante e bom de se velejar por um custo verdadeiramente acessível. O barco completo é muito aconchegante internamente e navega como um cisne.

P,S. Como a situação da economia não está boa no momento, um veleiro de cruzeiro fácil e barato de ser construído pode ser uma boa solução para as circunstâncias atuais. Nosso ponto de vista sempre foi esse: é melhor construir bem um barco menor do que se decidir por um projeto mais ambicioso e no final sofrer por causa disso. O barco ficando bem construído tem um alto valor de revenda e pode funcionar como um trampolim para mais tarde passar para um barco maior. Isso nos tem sido informado por vários de nossos clientes.

Clique aqui para saber mais sobre o Pop 20.